Páginas

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Fecho os olhos...















E assim construo um barco de nuvens,
Que desliza pela imensidão azul deste Céu
Com meu coração apaixonado pelo teu
Navego entre estrelas neste céu azul.

A rota infinita à minha frente me alucina,
Flocos brancos de nuvens tocam as mãos,
Que gélidas sempre aspiram pelo teu calor
Que faça aquecer meu corpo neste transe.

Em instante o barco desliza junto da lua,
Todo ele se ilumina em azul prata reluzente,
Vejo teus olhos luzindo e minha alma nua,
Navego pelo teu corpo suave incandescente.

E quando num beijo se tocaram os lábios,
Um facho de luz azul riscou o firmamento,
Era a fada menina no carrossel de luzes,
Ela me tocou e roubou-me o encantamento.

Toninho
08/08/2013

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Clamor da piedade














Senhor tende piedade implora,
Para quem viveu de maldade.
Em desespero clama a piedade,
No leito de morte se apavora.

Suplico pela piedade à senhora,
Extirpai a crônica enfermidade,
Que lhe fez ser só perversidade,
A inocular o veneno de víbora.

A angústia remexeu a intimidade,
Nota-se pelo rosto que ora chora,
Num corrosivo remorso o pranto.

Clamo pela Tua infinita bondade,
Que a alma receba Tua paz agora.
Cerram-se os olhos, desce o manto.

Toninho.
21/07/2013
Apenas uma inspiração.

Uma linda semana a todos.

domingo, 11 de agosto de 2013

Lembranças de um grande pai.









Vive em minhas lembranças a imagem,
Que na minha vida seguiu como espelho,
Espelho que não quebra neste vai e vem,
Pois soa aos ouvidos todos seus conselhos.

Lembrança de um homem calmo e sereno,
De mãos enormes com o seu bigode negro,
Contrastava com aquele homem ameno,
Sempre de coração acolhedor e integro.

Aos domingos montava num belo alazão,
Que fazia recriar a imagem do cavaleiro,
O Jerônimo que diziam ser lá do sertão. ¹
Imitado num cavalo de pau pelo terreiro,

Durante a semana o homem da labuta,
Mais um trabalhador da vila operária,
Na extração do minério sua árdua luta,
No Pico do Cauê, hoje apenas a memoria. ²

Ainda é viva a imagem descendo a rua
Com passos largos e sorriso contagiante,
Bravos homens brilhantes de alma pura.
No suor do rosto com minério brilhante, ³

No final do dia a rua era como um cais,
Para cada família receber seu guerreiro.
E quando percebi já era como meu pai,
Olhar no espelho e ver o meu escudeiro.

Toninho.
10/08/2013.

Uma homenagem a um grande homem e a todos os pais e aos que se fazem nesta missão. Um carinhoso abraço.

Notas:

¹- Jerônimo, o Herói do Sertão,novela de radio foi criada em 1953 por Moysés Weltman para a Rádio Nacional, bastante influênciada pelo faroeste americano , a radionovela ficou 14 anos no ar.

²- O Pico do Cauê (palavra dialetal africana que significa irmãos) é uma serra localizada na cidade mineira de Itabira, nos antigos bairros de Santana e do Campestre de Cima. o pico se elevava a 1385 metros acima do nível do mar, mas atualmente, após anos de mineração, sua altitude decresceu cerca de 150 metros.

³- O minério blue dust da serra espalha-se pela cidade e impregna nas pessoas como se fosse um purpurina.